Qual a diferença entre Big Data e Business Intelligence?

Big Data e Business Intelligence são duas tecnologias que têm sido bastante discutidas nos últimos tempos no universo empresarial. Apesar de ambas serem voltados para o tratamento e análise de dados e possuem conceitos bem diferentes. Entender o papel de cada uma dentro de uma empresa é fundamental para que possam ser implementadas e utilizados corretamente e gerarem valor para o negócio.

A seguir, explicaremos os conceitos de Big Data e Business Intelligence. Também mostraremos porque a união dessas duas tecnologias pode melhorar drasticamente o processo de análise de dados de uma empresa.

Os conceitos de Big Data e Business Intelligence

Big Data

Para melhorarem seus processos, as empresas estão tendo que coletar dados relacionados ao seu ambiente interno, aos seus concorrentes e ao mercado em geral. Esses dados são gerados a partir de sites, formulários, redes sociais, aplicações, sistemas corporativos (ERP, CRM, software contábil, etc), entre várias outras fontes. O que o Big Data faz é transformar esses dados coletados em estado bruto para um formato consumível.

Ele faz isso por meio de algoritmos avançados, que agregam, classificam e unem as informações. Dessa forma, ele consegue detectar correlações, fazer descobertas e permitir que os gestores ‘enxerguem’ novos caminhos, a partir do grande volume de dados coletado. E é justamente por causa dessa abertura de caminhos que o Big Data tem sido visto como uma tecnologia capaz de gerar importantes vantagens competitivas para as empresas.

A cada ano que passa, mais empresas adotam o Big Data para analisarem grandes volumes de dados em tempo hábil e obterem melhores resultados. Mas é importante lembrarmos que a implementação e o uso do Big Data não podem ser feitos de qualquer forma. Para extraírem valor dele, os gestores precisam ter experiência com tratamento de dados e maturidade administrativa. Afinal, a tecnologia envolvida não é tão simples.

Business Intelligence

Enquanto as soluções de Big Data ‘mineram’ os dados para encontrarem novas oportunidades, as de Business Intelligence tornam as informações mais compreensíveis para facilitar a sua análise. O BI proporciona um melhor entendimento dos dados em formato consumível processados pelo Big Data e permite que os gestores acompanhem eficazmente tudo o que acontece no negócio.

As soluções de Business Intelligence entregam os dados por meio de dashboards interativos, que dão um panorama geral de cada área da empresa e mostram problemas e oportunidades que podem impactá-la negativa ou positivamente. Esses dados são exatos e relevantes e guiam as tomadas de decisão por parte dos gestores e o acompanhamento dos trabalhos pela equipe.

Os benefícios da união dessas duas tecnologias

Recapitulando, enquanto o Big Data busca novos caminhos a partir do processamento do grande volume de dados gerado, o Business Intelligence os torna mais compreensíveis para facilitar a sua análise por parte dos gestores e sua equipe. O BI torna, portanto, o processo realizado pelo Big Data mais eficiente. A não utilização dele pode tornar a compreensão dos novos caminhos apresentados pelo Big Data mais complicada.

É por isso que as duas tecnologias devem ser usadas em conjunto. Unidas, elas elevam o processo de análise de dados a outro patamar, e melhoram drasticamente os resultados da empresa. Mas para realmente gerarem valor para o negócio, ambas precisam ser implementadas e utilizadas corretamente, por profissionais que realmente as entendam e saibam aproveitá-las da melhor forma possível.

Entendeu a diferença entre Big Data e Business Intelligence?

Se tiver ficado com alguma dúvida, escreva-a nos comentários para podermos lhe ajudar!

2 comentários em “Qual a diferença entre Big Data e Business Intelligence?”

    1. Big Data é um grande volume de dados e Business Intelligence (BI) é a análise dessa grande massa de dados, transformando-a em informação e indicadores para tomada de decisão. As ferramentas de BI permitem consolidar dados de diferentes fontes e formatos para essas análises.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *